Redes Sociais

Facebook Fanpages: a festa acabou! O último a sair apague a luz….

Futuro das Fanpages é nebuloso, segundo fontes internas no facebook , o almoço grátis acabou para empresas e marcas! Entenda o que vai ocorrer com as fanpages em um futuro próximo…

Marcas, artistas e empresas que utilizam o facebook como ferramenta de marketing, usando seu público das Fanpages, já vem percebendo há meses como elas estão perdendo alcance, e atingindo um número cada vez menor de usuários, mesmo que seu número de seguidores aumente continuamente. Pois é, no começo muitos diziam ser impressão e muita gente até discordou quando falei disso  mais de 1 ano atrás no artigo:

Atenção webmasters e blogueiros! O Facebook diminuiu ainda mais o alcance das páginas!

Mas o que se suspeitava ser apenas um rumor tornou-se algo realmente concreto. Mas, se você “pegou o bonde andando”, deixa eu explicar melhor como que uma fanpage é utilizada por marcas e empresas, se você é apenas um usuário que navega normalmente no facebook apenas para se divertir com os amigos.

fanpages facebook

O que é uma fanpage do Facebook

Bom, de acordo com o próprio  Facebook, uma Fan Page é uma interface específica para a divulgação de uma empresa, marca, banda, etc. Ao realizar a criação é possível escolher o objetivo dela, conseguindo assim melhor segmentação do público que deseja alcançar.

Com o objetivo de disponibilizar um recurso de interação e comunicação voltado especificamente para a divulgação de marcas, produtos, empresas, bandas, entre outros, o Facebook criou a Fan Page.

A Fan Page é, em essência, uma página do Facebook que pode ser seguida pelos usuários e interessados em determinada marca ou empresa, oferecendo uma estratégia de marketing digital eficiente e de baixo custo.Correção. Isso era o que as marcas pensavam, e que o facebook preferia não comentar a respeito.

Como funcionavam as Fanpages para quem tem site/empresa/projetos online

No início, as Fanpages funcionavam como um canal direto com os “fãs”de determinada marca, banda, artista ou empresa. isso ajudava na comunicação, no branding dessas marcas. pequenas empresas por exemplo , pizzarias e reatuarantes avisavam no Facebook sobre promoções exclusivas, mantinham contato com as pessoas e eliminavam a distância entre o consumidor. Bandas conseguiam interagir melhor com o público e oferecer uma melhor relação. Para quem tem site então, era uma ótima forma de obter tráfego. Tenho sites quem que bastava colocar um link em uma fanpage com 9mil pessoas que em 10 minutos já subiam 40 users online no site. Hoje com uma fanpage de 27k , mal coloco 12 online. E essa queda tem sido observada por muitos webmasters e analistas de mídias sociais, mas o facebook sempre se esquivou, com vários tipos de desculpas diferentes, que por muito tempo até fizeram sentido, mas que com o tempo foram sendo derrubadas.

O que deve ocorrer no futuro

De acordo com fontes internas do facebook, em informações divulgadas ao site gawker, o objetivo do facebook é que num futuro as publicações gratuitas só atinjam cerca de 2% do público da fanpage. Claro, todos nós sabemos que o facebook é uma empresa e precisa lucrar, mas obviamente, as consequências no mercado serão perceptíveis em pouco tempo. É um tipo de estratégia que o Facebook adotou, que embora possa soar agressiva, seus analistas com certeza tem todos os prós e contras e riscos totalmente calculados e mitigados.

Bom, para grandes empresas, isso significa ter de investir mais em marketing no facebook, ter de gastar mais para atingir seu público. Já para as pequenas empresas, como o restaurante do bairro, o negócio provavelmente vai ser voltar a distribuir folhetos e alugar um guri passando com uma bicicleta de som.

Qual a minha opinião

Bom, na minha opinião, é o que todos nós já sabíamos não é verdade? Não existe almoço grátis na Internet. O grande problema do modelo de negócio do facebook para quem tem uma marca ou empresa, é que praticamente é exigido que você pague duas vezes, pois ele permite que você “compre” a curtida dos fãs, mas depois exige que pague mais para que esses fãs vejam todas as suas publicações. O engraçado é que a pessoa escolheu seguir essa página , fica sem poder ver suas publicações, a não ser que o dono da mesma pague ao facebook. Muito diferente do modelo do twitter por exemplo, onde se pode ver tudo. Claro que para empresas que trabalham com venda, acredito que continuará sendo de ótimo retorno continuar anunciando no facebook, pois é lá onde o público ainda está. Acredito que irá demorar muito para o G+ emplacar, se é que isso ainda vai ocorrer. Mas essa claro, é só minha opinião. :)

Conclusão

Bom pessoal, e vocês que tem fanpages, sites e projetos no facebook? O que estão achando após esse baque nas fanpages?

Contem aí pra gente nos comentários!

Fontes: Gwker.com a partir de um post do Leo cabral

Seja um leitor Premium, receba os artigos direto no email:



Almy
Almy Fróes é Analista de TI, problogger e compartilha no Mestre dos Sites o que aprendeu sobre WordPress, blogs, SEO e otimização de sites
Mais alguns posts interessantes:
twitter
Confira! Novas dicas para conseguir seguidores no Twitter
facebook curtir
Facebook: aprenda a colocar uma caixa de curtir no seu site!
twitter ferramentas
O Twitter não morreu! Conheça 7 ferramentas incríveis para ele!
21 Comments
  • 11 11America/Sao_Paulo maio 11America/Sao_Paulo 2016 at 2016-05-11T10:25:43+00:000000004331201605
    Resposta

    […] Retirado de: http://mestredossites.com.br/2014/03/facebook-fanpages-festa-acabou-o-ultimo-sair-apague-luz/ […]

  • 2 02America/Sao_Paulo agosto 02America/Sao_Paulo 2015 at 2015-08-02T13:33:35+00:000000003531201508
    Resposta

    Quem trabalha de forma profissional com web sabe muito bem que não se aposta em redes sociais.
    A estrutura da presença online de qualquer empreendimento deve ser um site, e de forma complementar, aproveitando momentos, criar ações em redes sociais.

    Facebook sempre foi visto pelos profissionais como ilusório, pois se vc tem um negócio local e não usar o Google meu negócio é sinal que você não sabe nada de marketing online e está boiando bonito …. perdendo muitos clientes potenciais …. será que ninguém se tocou de que o Google detém 80% do ambiente de busca da internet e que o Google Meu Negócio é uma das prioridades da gigante do search ?

    Para negócios locais nada se compara a essa solução, será que ninguém observa as páginas de resultado de busca quando pesquisam por prestadores de serviços locais ?

    Eu no meu trabalho priorizo o site e uso as redes como recurso complementar descartável, lembremo-nos de qua para as redes, nós somos descartáveis.

    Tens um negócio local ? Não perca tempo … Use Google Meu Negócio.

  • 4 04America/Sao_Paulo julho 04America/Sao_Paulo 2015 at 2015-07-04T21:56:05+00:000000000531201507
    Resposta

    Já não invisto em adwords nem facebook…faz tempo. Só perdi dinheiro. Os grupos…e lista de transmissão…são os melhores canais.

  • 3 03America/Sao_Paulo julho 03America/Sao_Paulo 2015 at 2015-07-03T11:06:29+00:000000002931201507
    Resposta

    […] Retirado de: http://mestredossites.com.br/2014/03/facebook-fanpages-festa-acabou-o-ultimo-sair-apague-luz/ […]

  • 3 03America/Sao_Paulo julho 03America/Sao_Paulo 2015 at 2015-07-03T09:27:36+00:000000003631201507
    Resposta

    Tenho percebido isso há tempos também. O difícil é convencer as empresas de que não podemos investir todos os esforços no Facebook, só porque é o mais pop hoje em dia. Sempre defendi a ideia de que conteúdo bom deve ser registrado na plataforma que é mantida pelo autor (seja um site pessoal, blog etc.). É triste ver tantas empresas e pessoas investindo dinheiro em uma mídia que pode desaparecer no futuro, como já aconteceu com tantas outras.

    Facebook Ads é ótimo para quem tem e-commerce, pois já trabalhei nesta forma e realmente dá resultado. Mas em outros nichos, na minha opinião, é dinheiro jogado fora.

    Ótimo artigo! Quem sabe algumas pessoas não começam a refletir sobre isso também. 😉

  • Rivo
    2 02America/Sao_Paulo julho 02America/Sao_Paulo 2015 at 2015-07-02T21:47:54+00:000000005431201507
    Resposta

    Acredito que o pessimismo de alguns quanto ao uso do G+ é mais fruto de desconhecimento do verdadeiro poder da plataforma. Hoje pesquisas tem mostrado que a rede social do Google está empatado em segundo lugar com o Twitter em número de usuários. O Comscore até mesmo já o situa em segundo lugar entre as redes sociais. Depois que o G+ criou a possibilidade de se criar as Coleções isso valorizou mais ainda o uso de uma página para divulgar produtos e serviços. Eu que não sou uma empresa já tenho 5 mil seguidores lá. As empresas que fazem um bom trabalho de divulgação e interação por lá estão se dando bem. Mas o G+ é uma rede onde você só ganha seguidores se você realmente interagir com seu público por lá.

  • 14 14America/Sao_Paulo junho 14America/Sao_Paulo 2015 at 2015-06-14T07:48:07+00:000000000730201506
    Resposta

    Thankfulness to my father who stated to me about
    this web site, this website is truly amazing.

  • 26 26America/Sao_Paulo março 26America/Sao_Paulo 2015 at 2015-03-26T21:23:09+00:000000000931201503
    Resposta

    Good web site you’ve got here.. It’s hard to find high quality writing like yours these days.
    I honestly appreciate people like you! Take care!!

  • 21 21America/Sao_Paulo março 21America/Sao_Paulo 2015 at 2015-03-21T14:34:04+00:000000000431201503
    Resposta

    I visited many sites however the audio fature for audio songs current at this web page is
    truly marvelous.

  • 15 15America/Sao_Paulo março 15America/Sao_Paulo 2015 at 2015-03-15T10:13:59+00:000000005931201503
    Resposta

    Amazing things here. I am very satisfied to see your post.
    Thanks a lot and I am having a look ahead to contactt you.
    Willl you please drop me a e-mail?

  • 3 03America/Sao_Paulo março 03America/Sao_Paulo 2015 at 2015-03-03T16:58:54+00:000000005431201503
    Resposta

    I know this site offers qulity based content and other information, is there any
    other website which gives such data in quality?

  • 5 05America/Sao_Paulo janeiro 05America/Sao_Paulo 2015 at 2015-01-05T22:02:44+00:000000004431201501
    Resposta

    Greate post. Keep writing such kind of info on your blog.

    Im really impressed by your site.
    Hey there, You have done a fantastic job. I will definitely digg it and in my view
    suggest to my friends. I’m sure they’ll be benefited from this website.

  • 13 13America/Sao_Paulo novembro 13America/Sao_Paulo 2014 at 2014-11-13T14:17:52+00:000000005230201411
    Resposta

    Boa tarde,

    Como você disse, quem acompanhou os acessos, percebe essa diferença há tempos. Não é de hoje que observo que nem todos meus leitores do blog têm acesso ao que posto.
    Outro aspecto que percebo nessa ferramenta, é que o fato da pessoa “curtir” sua página ou ainda, o post, a matéria que fez, não garante – de forma alguma – que leu e que compartilhará com alguém.
    Ou seja, a ilusão que alguma empresas têm, de que se não estiver no facebook você não é ninguém, está cada dia mais indo por rio abaixo. Acredito sim na eficiência da fã page, mas como um meio a mais de comunicação, de interação para o cliente tirar dúvidas e postar elogios/reclamações da empresa e não como um meio real de divulgação de um produto.
    No entanto, parece que as empresas ainda levarão algum tempo para dar conta disso, já que as “fã page” do facebook, infelizmente, viraram uma “modinha barata” entre algumas marcas que, ainda acreditam – de olhos vendados – no sucesso dessa.

  • 9 09America/Sao_Paulo julho 09America/Sao_Paulo 2014 at 2014-07-09T17:23:25+00:000000002531201407
    Resposta

    […] Facebook Fanpages: a festa acabou! O último a sair apague a luz…. […]

  • 31 31America/Sao_Paulo maio 31America/Sao_Paulo 2014 at 2014-05-31T01:51:26+00:000000002631201405
    Resposta

    Se for para vendas pode até ser bacana, mas por exemplo no caso de um banda ao postar alguma coisa ela gasta r$ 15,00 reais e ganha com isso meia duzia de curtidas, o que essa banda ganhou afinal? acho que é muita ilusão pra pouca satisfação.

  • 26 26America/Sao_Paulo abril 26America/Sao_Paulo 2014 at 2014-04-26T17:57:42+00:000000004230201404
    Resposta

    Parece que a forma mais eficiente de divulgação social é usando o Twitter. Mas não acho que o Facebook seja mal por diminuir o alcance das publicações e fanpages, a lei da oferta e demanda é quem, no final das contas, dita o preço. Se as empresas parassem de investir em propaganda no Facebook, eles estaria fazendo o caminho contrário.

  • 25 25America/Sao_Paulo março 25America/Sao_Paulo 2014 at 2014-03-25T20:05:27+00:000000002731201403
    Resposta

    […] -Abri Off topic com link para o post em algumas comunidades de Futebol, de Rock e de seriados no Orkut. Sim, o orkut não morreu! Muita comunidade de lá ainda é mais ativa que muito grupo do Facebook. E todo mundo lê os tópicos, não só quem a rede social deseja como no caso do alcance das fanpages do facebook. […]

  • 23 23America/Sao_Paulo março 23America/Sao_Paulo 2014 at 2014-03-23T21:07:05+00:000000000531201403
    Resposta

    Fala ai Almy, tudo bom por ai?

    Então cara em algumas páginas minha venho trabalho face ads e estou obtendo bons resultado,seja incentivando ou um anúncio de promoção.
    Agora se não pagar os resultados são pequenos, pouco rentavél.
    Mas para quem paga e dependendo do nicho se for pouco concorrido consegue se destacar bem.

    abraços.

  • 22 22America/Sao_Paulo março 22America/Sao_Paulo 2014 at 2014-03-22T16:36:08+00:000000000831201403
    Resposta

    Também tenho notado isso em minhas páginas. O alcance das postagens tem vindo a diminuir gradualmente.
    Por isso, é que é tão importante diversificar as fontes de tráfego.

  • 22 22America/Sao_Paulo março 22America/Sao_Paulo 2014 at 2014-03-22T14:46:29+00:000000002931201403
    Resposta

    Já não tenho recebido visitante vindos do Facebook em boa quantidade desde as primeiras mudanças, e a tendência é só piorar – não me surpreenderia nada se resolvessem acabar de vez com a visibilidade das páginas. O que resta é apelar para postagens de qualidade com frequência (o que poucas pages conseguem).

    Quanto ao Google+, pra mim é cachorro morto no formato atual. Depois de todo o esforço em socá-la nos snippets de pesquisa, mesclar com outros serviços e tudo mais e nem assim emplacou… É muito parecida com o Facebook e pra conseguir destaque, vai precisar de um grande diferencial.

  • Rafael Salles
    21 21America/Sao_Paulo março 21America/Sao_Paulo 2014 at 2014-03-21T11:04:35+00:000000003531201403
    Resposta

    O que mais me preocupa é a dependência que as empresas tem do facebook, inclusive a minha. Preciso começar a tracejar estratégias para diminuir essa dependência. Acho um ótimo tema para um artigo.

Deixe seu comentário

Your Comment*

Your Name*
Your Webpage