Otimização de Sites

Hospedagem grátis: entenda por que não vale a pena!

Hospedagem grátis para websites pode ser uma verdadeira cilada, entenda os problemas que podem ocorrer!

Primeiramente, antes de ler este artigo, entenda que vivemos eu um mundo capitalista, em um mundo onde o negócio digital está em plena expansão e onde não existem (ou estão escondidos) bons samaritanos, portanto, principalmente as empresas de hospedagem, não vão ser boazinhas com vocês blogueiros e podem enganar com a utópica ideia de “hospedagem grátis”, que pode acabar custando muito caro.

Porque não apostar em uma hospedagem grátis

hospedagem gratis

Primeiramente, não existem hospedagens grátis, pois elas são apenas uma ponte para fidelizar um cliente, uma tática muito antiga já empregada no comércio.Mesmo hospedagens como UOlhost ou Hostgator, no passado apostaram nesse modelo. No momento em que você estiver hospedando seu(s) site(s) em uma hospedagem desta, vai estar investindo em um sistema coletivo, onde não acontecerá o suporte necessário e onde você não tem probabilidade de expansão gratuita, ou seja, se algum dia (esperamos que sim) você necessitar de um serviço melhor, para um projeto mais estruturado ou que aguente mais tráfego, você estará dependendo de um upgrade para um sistema mais caro, onde exatamente esta mesma empresa pretende buscar o lucro “perdido” anteriormente, que na verdade não é tão perdido assim, pois serve como uma fidelização de cliente.

Backup Inexistente

Além da dificuldade para fazer backup dos seus dados, em casos de problemas com o servidor, as empresas não se responsabilizam pelos seus dados, como está escrito na maioria dos contratos dos sites que fornecem hospedagem gratuita. Ou seja, seu trabalho pode ir pelos ares a qualquer momento.

Publicidades Invasivas

Algumas hospedagens grátis inserem anúncios nos sites hospedados. Se você pretende criar um site para uma empresa, negócio ou qualquer outro tipo de site profissional, seria muito ruim ter anúncios e banners aparecendo em seu site, pois eles poderiam passar uma imagem errada sobre o site para o visitante, principalmente por não ter um controle sobre os anúncios exibidos.

Serviços limitados

Uma hospedagem grátis não vai ser um mar de rosas, com toda a certeza os serviços disponíveis vão ser limitados, além de terem algumas coisas bem chatas inclusas, como demasiadas propagandas inclusas, algumas dificuldades de navegação e coisas do tipo. Para melhorar este problema, adivinhe! Você tem que comprar um pacote premium.

hospedagem grátis

Juntamente com estes serviços limitados, estas mesmas empresas não vão poder oferecer um suporte mais adequado, justamente pelo fato de dependerem de lucro também, o que torna este tipo de negócio muito arriscado e expõe estes empreendimentos a um risco muito grande de falência, algo que também pode lhe prejudicar durante a trajetória.

Vantagem a curto prazo

Obviamente, para quem está começando, pode parecer muito tentador ter a possibilidade de usar uma plataforma como o WordPress em uma hospedagem grátis, mas justamente esse pensamento atrapalha o empreendedor a longo prazo. Para começar, no caso de falta de capital para investimento, é muito mais recomendável que utilize-se o Blogger, um serviço do Google que é muito seguro, para que depois de algum sucesso, tenha-se a possibilidade de migrar para uma hospedagem (paga) que lhe ofereça serviços melhores.

SEO: Muita ilusão

Infelizmente, fazer seo (search engine optimization, que são técnicas usadas para aparecer em buscadores como google e bing) em hospedagem gratuita é muito complicado e com resultados pífios.

seo hospedagens gratis

Muito se fala contra o Blogger, principalmente em relação a SEO, mas justamente ele pode ser uma boa porta de entrada em relação a hospedagens gratuitas, pois em um serviço destes (dito gratuito) seu blog pode ficar fora do ar por algum tempo, interferir em acessos a bancos de dados, cair em caso de um trafego muito grande, fatores que o Google não gosta nada.

Sempre opte por hospedar seu site em uma servidor de confiança, que deixe seu site 100% no ar, para quando você realmente precisar do suporte, eles estejam prontos a lhe ajudar. Desta forma você irá diminuir muito os problemas com e-mails e site fora do ar por muito tempo. Procure sempre uma empresa que lhe atenda bem, e esteja sempre disponível.

Hospedagens grátis são uma grande ilusão, que em questões pontuais podem dar certo, mas em casos raros. Acredite no seu potencial e comece passo a passo, que com o tempo, o sucesso surgirá!

Gostou? Discorda? Deixe sua opinião nos comentários e compartilhe nas Redes Sociais!


Seja um leitor Premium, receba os artigos direto no email:


Leonardo Caprara
Leonardo Caprara é gaúcho, grande admirador de futebol, amante de música e cinema (algo que fez surgir seu projeto de maior sucesso, o site Música e Cinema) e futuro jornalista (paixão que fez com que surgisse o site InfoDiretas). Juntamente com sua paixão de comunicar, começou os serviços de redação, onde já atuou nos mais variados nichos e hoje chefia uma boa equipe de redatores.
Mais alguns posts interessantes:
site com virus
Segurança: evite que seu site seja infectado por malwares!
random
Ganhadores da promocao do Afiliados Brasil Ingresso Free 2013!
duvidas
Otimização: links repetidos no site atrapalham a SEO?
2 Comments
  • Paulo
    16 16America/Sao_Paulo maio 16America/Sao_Paulo 2014 at 2014-05-16T10:42:25+00:000000002531201405
    Resposta

    Bem, conheço dois grandes blogs de sucesso e bem posicionados no google. Ambos hospedados e com domínio blogspot.com.
    O primeiro é de um eletricista que publica posts excelentes e oferece espaço para anunciantes. Deve estar ganhando um bom dinheiro. Tanto pela auto-promoção(profissão dele), pelos anunciantes como pelo adsense.
    O segundo é de um jornalista que usa as mesmas táticas.

    Agora, o motivo de ninguém comentar situações como essa, não entendo.
    Pra mim, o que realmente importa é o conteúdo.

  • Tin
    15 15America/Sao_Paulo maio 15America/Sao_Paulo 2014 at 2014-05-15T21:14:49+00:000000004931201405
    Resposta

    Dahora seus artigos,

Deixe seu comentário

Your Comment*

Your Name*
Your Webpage