Temas Variados

Caso Conar, Sephora e blogueiras de moda: toda propaganda deve ser identificada?

Veja nossa opinião sobre o caso em que a Sephora e blogueiras de moda estão sendo acusadas de fazer propaganda “às escondidas”.

propaganda identificada

Nessa semana, um caso envolvendo a perfumaria Sephora e algumas famosas blogueiras do nicho de moda repercutiu bastante na blgosfera. O fato gerou até protesto de alguns blogueiros, e pode resultar em multa para a empresa e para as blogueiras, bem com a retirada da publicidade do ar.

Entenda o caso Conar x blogueiras e Sephora

O que ocorre é que o Conar, uma autarquia que regulamenta a publicidade no Brasil, autuou 3 blogueiras e a loja Sephora por terem feito propaganda disfarçada em seus blogs, na forma de posts onde elas emitiam sua opinião sobre produtos da YSL, que tem a Sephora como representante no Brasil. O texto dos posts era um artigo patrocinado não identificado como tal, chegando ao cúmulo do conteúdo de vários parágrafos ser o mesmo texto da ação, sem nenhuma adaptação. O caso saiu em alguns jornais. Obviamente, não há problema em fazer propaganda em seu blog e ganhar com isso (já que ninguém cria um site para fazer propaganda de graça), mas sim no fato dela não ter sido identificada.

Casos semelhantes de propagandas não identificadas

Não são raros os casos de propaganda não identificada cometidos por grandes veículos, como a globo.com e revistas Veja e Isto É. A diferença é que, normalmente, sobre grandes grupos como esses o Conar não consegue fazer pressão. Um exemplo claro de propaganda disfarçada está nesse vídeo, onde são totalmente desmentidas as informações da Globo sobre um carro, no programa Autoesporte:

Toda propaganda em blogs deve ser identificada?

De acordo com a lei, sim. Propaganda não identificada pode ser enquadrada até como propaganda enganosa, o que configura crime contra o consumidor. Além disso, todo veículo que quer ser transparente e respeitoso com seus leitores deve deixar claro o que é publicidade e o que não é. Se existe uma lei ela deve ser respeitada, mesmo que não se concorde com ela.

O que o Mestre acha sobre o caso

No Mestre dos sites em casos de apenas um link em meio ao texto, já que não se tratava efetivamente de propaganda, eu não costumava identificar. Em meus outros sites sempre procurei identificar o que era ação publicitária, com conteúdo de responsabilidade do anunciante. A não ser em casos em que o próprio anunciante (pagando muito bem para isso), pedia para que não o fizesse.

Como a fiscalização anda cada vez mais rígida, e também para ser mais transparente com os leitores, identifiquemos o que é publicidade. É o mais correto, é o que aconselho meus amigos blogueiros a fazerem e é o que farei daqui em diante.

E você caro blogueiro/webmaster? O que faz em seu site? Identifica todo tipo de propaganda?


Seja um leitor Premium, receba os artigos direto no email:


Almy
Almy Fróes é Analista de TI, problogger e compartilha no Mestre dos Sites o que aprendeu sobre WordPress, blogs, SEO e otimização de sites
Mais alguns posts interessantes:
Afiliados Brasil 2015: relatos, experiências e impressões…
mentira
Mestres do SEO e Metabloggers: 7 mentiras em que eles querem que você acredite!
censura nunca mais
Blogueiro toma multa de mais de 106 mil Reais por post irregular durante as eleições!
2 Comments
  • 31 31America/Sao_Paulo agosto 31America/Sao_Paulo 2012 at 2012-08-31T15:01:14+00:000000001431201208
    Resposta

    Almy,
    você finalizou da maneira correta o artigo, se existe uma lei ela deve ser respeitada, principalmente por nós que não somos grandes corporações como a Globo e outras tantas que podem fazer o que bem pensam e não recebem punição.
    Parabéns pela abordagem do assunto.
    Abraço.

    • admin
      31 31America/Sao_Paulo agosto 31America/Sao_Paulo 2012 at 2012-08-31T15:58:01+00:000000000131201208
      Resposta

      Pois é Gustavo, vi muita gente “fazendo pirraça” em grupos no facebook e no twitter sobre esse assunto, mas não tem jeito, s existe uma lei devemos cumprir, ou estar preparado para ser penalizado pelo não cumprimento dela.Eu prefiro andar na linha :o)

      Valeu a visita!

Deixe seu comentário

Your Comment*

Your Name*
Your Webpage