Temas Variados

Como fazer um artigo viralizar? – Parte 2

Gostou? Faça mais pessoas felizes, compartilhe!

Veja a segunda parte do artigo em que mostro como fazer um artigo viralizar, abrindo estatísticas e dicas, confira conosco!

Pois é, acabei demorando mais do que previa em colocar esse artigo no ar, mas conforme já falei nesse artigo aqui, tenho outros sites que demandam mais tempo e acabei demorando a voltar. No último artigo, falei sobre um exemplo pessoal sobre como fazer um artigo viralizar, com exemplos, métricas, resultados e experiências. Hoje volto ao tema com a parte 2, do segundo exemplo. Pra quem perdeu a parte 1 onde explico o que é um artigo viral, cito um exemplo meu e mais algumas coisas, segue o link:

 Como fazer um artigo viralizar? Veja meus 2 casos reais de exemplo!

Antes de passar pro segundo exemplo, vou aproveitar e falar sobre o resultado do artigo anterior. Não era pra ser viral obviamente, na real achei que só o pessoal dos feeds e da Fanpage acabaria lendo, mas as visitas diárias dobraram e foi bem instrutiva a discussão lá pelo facebook.

como viralizar um artigo

 

Repercussão do artigo anterior

Essa parte foi divertida. Embora pelo Facebook muita gente tenha reclamado, principalmente no grupo Entusiastas da Social Midia,  a repercussão do artigo anterior foi extremamente positiva, ainda mais sendo esse site hoje só um hobby e focado em um nicho determinado. Como compartilhei os casos de viral, achei que gostariam de saber o que rolou naquele artigo também:

->   + 20 novos assinantes de Feeds

– >  + 15 likes na fanpage

->   + 12 seguidores no Twitter

– >  2 novos cadastros  de parceiros no programa cursos24horas

->  3 novos cadastros de indicados no programa Egrana

Vamos ao caso 2 que prometi contar:

 

Caso 2 – Do a Barrel Roll

Esse caso não é tão novo, foi do final de 2011, mas é de outro nicho e também bem interessante, pois o excesso de tráfego me levou a ser expulso do servidor de hospedagem que estava heheheh. Mas foi legal, pois me levou a estudar sobre cache e otimização do site. Se você também quer saber mais sobre isso sugiro esse artigo que escrevi sobre plugins de cache e também esse outro sobre como deixar seu site mais rápido. Bom, voltando ao caso:


Tenho um site de curiosidades, notícias bizarras  e coisas nerds chamado não acredito, certa vez pela internet, vi um site gringo falando sobre uma brincadeira no Google, um Doodle como são chamados, em que ao digitar “do a barrell roll”na busca do Google, a tela dava uma cambalhota, como no antigo jogo de N64, Starfox. Segue o artigo:

http://naoacredito.blog.br/do-a-barrel-roll-entenda-aqui-o-que-e-isso-que-apareceu-no-google/

Olha no que deu:

nao acredito boom

Ainda tive picos nesse artigo, de 12 mil, 8 mil visitas em outras datas por que depois desse dia ele começou a ranquear no Google na primeira página, em 2 ou 3 e as vezes até subindo pra primeiro. Enão raro quando sai algo na imprensa ele dá outra ‘alavancada”  de leve.

 

Ações tomadas para tentar viralizar o artigo

– Coloquei o link do post na fanpage do Blog e de mais outro que possuía. Embora fossem pequenas, na época o alcance era muito bom.

-Twittei o link no twitter do blog e de outros 2 tweets que possuo. Na época o Twitter também era mais movimentado.

– Coloquei o link em 1 site meu pra ver se ajudava a ranquear no Google.

-Abri vários OFf topics em comunidades com temática nerd ou de jogos que gostariam do assunto. Na época o Orkut era mais movimentado.

-Respondi algumas perguntas no Yahoo Respostas sobre brincadeiras do Google com o link do post.

Resultados do caso 2

– Mais ou menos 300 pessoas novas na Fanpage em uma época que o Facebook ainda não tinha 1/3 da popularidade de hoje. Devido a uma tantativa de corrigir os permalinks do site 2 meses atrás, precisei fazer um redirecionamento 301, que manteve o Juice e os links , mas perdi os sinais sociais no post, só o G+ que permaneceu. E isso aconteceu em todos os artigos do site. Por isso, antes de mudar os permalinks, estude se é mesmo necessário. Fica a dica de quem se lascou com isso hehehe.

-135 comentários – A participação do público adicionava conteúdo todo dia, então ajudou bastante a subir no Google.

–  R$190 em vendas no Submarino Afiliados ( Na época o programa de afiliados submarino ainda funcionava minimamente bem, não era raro acordar e ter vendido 2 tvs lcd)

–  R$ 15 na boo box (Programa horrível, como já falei aqui nesse post, mas infelizmente achar anunciantes para sites “de humor” é complicado e o Adsense não converte na sidebar, melhor do que deixar vazio)

–  U$ 12 no Adsense . Na época eu não sabia colocar os anúncios em posições que convertessem bem e o nicho de humor naturalmente já é conhecido por não converter bem, então deu só isso mesmo.

– Novos seguidores no Twitter. No mês do artigo eram em média uns 15-20 novos por dia.

Considerações Finais

Bom, conforme falei no artigo anterior, essas dicas e relatos não são receitas de bolo e não há garantia de que hoje fazendo exatamente a mesma coisa, você terá o mesmo resultado. A sorte sempre será um fator importante, é fato. Minha idéia é mostrar 2 cases que funcionaram, com idéias que funcionaram, mas que de repente podem parecer simples para algumas pessoas, mas para outras, podem ser coisas que alguém não tenha pensado em fazer. Acredito que vemos por aí muito lero lero e muitas “técnicas infalíveis de sucesso” que falam, falam mas nada mostram, beirando o charlatanismo. Mas acho que abrir dados, erros e acertos seria mais interessante para os leitores do site. O que vocês acham?

Bom, os comentários estão em aberto para a discussão!

 


Seja um leitor Premium, receba os artigos direto no email:



Gostou? Faça mais pessoas felizes, compartilhe!
Almy
Almy Fróes é Analista de SEO, Empresário e Problogger. Compartilha no Mestre dos Sites o que aprendeu sobre Marketing de Afiliados, SEO,WordPress, blogs, e otimização de sites
Mais alguns posts interessantes:
Afiliados Brasil 2015: relatos, experiências e impressões…
publicidade online
Publicidade: o que seu site tem a oferecer para os anunciantes?
mandala piramide golpe
Golpes na Internet: conheça os mais famosos e fuja deles!
4 Comments
  • 15 15America/Sao_Paulo janeiro 15America/Sao_Paulo 2016 at 23:57
    Resposta

    Eu consegui um post viral na minha fan page que rendeu 100 mil curtidas 48 horas. Estou tentando repetir o feito.

  • AB
    17 17America/Sao_Paulo agosto 17America/Sao_Paulo 2015 at 17:38
    Resposta

    Já fiz alguns posts virais. Lembro que eu tinha um site que chama-se Likes in Videos. Pelo nome se tratava de vídeos. Na época peguei um plugin de locker para fazer com que o usuário clica-se em compartilha no facebook para ver o vídeo. Deixei durante uma semana, para ganhar impulso viral. Isso me rendeu 39 mil compartilhamentos, e mais 300 mil views, uns 28 mil novas curtidas na página, uns 3mil novbos seguidores no twitter, e R$1,600, 00 no adsense. Não sei porque razão, me deu uma loucura e descontinuei o blog. Resolvi criar esse outro http://www.estudaronline.org. Ele é novo, mas já tenho algumas palavras chaves bem rankeadas, e me rende alguns alguns dólares no adsense.

  • 9 09America/Sao_Paulo abril 09America/Sao_Paulo 2014 at 20:18
    Resposta

    Até hoje só fiz um viral, que foi um post com um vídeo, em três dias o post me rende 200 mil acessos (100 mil pessoas clicou no botão de Like)
    Mais não entendi até hoje como fiz isso kkk

  • 3 03America/Sao_Paulo abril 03America/Sao_Paulo 2014 at 21:57
    Resposta

    Meu site tem um nicho específico e gira em torno de 1500 visitas diárias, mas certa vez publiquei uma postagem que chegou a 12.000 visitas em um dia. Não me rendeu praticamente nada, pois eu não tinha quase nada de anúncios. Nem mesmo do adsense. De qualquer forma, não fiz com a intenção de viralizar, mas o tema era bem curioso e chamou a atenção de muita gente.

Deixe seu comentário

Your Comment*

Your Name*
Your Webpage