Hospedagem de Sites

Hospedagem de sites: cuidado com os falsos planos ilimitados!

Gostou? Faça mais pessoas felizes, compartilhe!

Entenda por que alguns planos de hospedagem de sites, chamados de “ilimitados”, são o barato que pode sair bem caro…

plano ilimitado internet

Quem acompanha a evolução da internet sabe como era caro ter um site, cerca de 12 anos atrás. Pagava-se caro pela hospedagem e, mesmo assim, o serviço nem sempre era bom, e vez por outra seu site ficava fora do ar. Hoje em dia, esse quadro mudou bastante, os serviços melhoraram e os preços também, e algumas empresas de hospedagem estão fazendo fortuna vendendo aos usuários algo que é impossível de existir: o plano ilimitado de hospedagem e transferência de dados.

Como FuncionaAntigamente, era comum que as empresas vendessem planos que já tivessem um tráfego mensal de dados pré-contratado, no qual seu site era tirado do ar se ultrapassasse o limite, ou era cobrado pelos dados excedentes. O que ocorria na prática era que quase ninguém ultrapassava esses valores, e acabava pagando (e caro) por algo que não era totalmente utilizado. Uma empresa com um site que mal recebia 120 visitas diárias por exemplo, não precisava nem de longe dos 30 gigas mensais que as empresas ofereciam em média. Assim, as empresas de hospedagem tiveram a idéia de criar os planos “ilimitados” , que possuíam um valor bem mais em conta e que não tinham restrições de tráfego de dados. Muitas empresas fizeram fortuna vendendo algo que não existe.

Por que o “ilimitado” não existe?

A matemática é simples. Todo servidor possui uma placa de rede (pelo menos), com um tráfego limitado pela sua construção, um limite de dados que é possível transferir. Ainda que esse limite seja grande (100 Mb/s, 1 giga/s) ele não é ilimitado. Portanto, a idéia de que existe um plano ilimitado é totalmente irreal, ou no mínimo mal explicada (algumas empresas usam um “*” ao lado de “ilimitado” e a explicação vem em letras miúdas no contrato, que pouca gente lê quando assina).

Se imaginarmos um servidor com 200 sites hospedados e uma só placa de rede, vamos concluir que ele não será nem de longe ilimitado, certo?

Ok. E qual o problema disso?
macbook_fire
O problema é que quem está iniciando um site e não tem muito dinheiro para investir em divulgação costuma divulgar em sites como Ocioso, Ueba, Colmeia e outros, conhecidos como agregadores (sobre os quais já falei nesse post). Esses sites recebem sugestões de posts, e se a sua for sugestão for publicada, seu site pode facilmente receber de 5 a 7 mil visitas em um só dia. Desse modo, seu site (que está em um desses planos) pode não aguentar o “tranco” e acabar saindo do ar. E justamente na hora que você mais precisava dele funcionando! Em alguns casos seu provedor pode até cancelar o seu site e isso está em contrato, nas mesmas linhas miúdas que citei lá em cima, mas que ninguém lê porque  está com pressa de colocar o site no ar.

Mas então devo fugir desses planos?

Não existe uma resposta conclusiva. Para algumas pessoas um plano como esses pode ser o ideal, sem problemas. Porém, existem algumas perguntas que você pode se fazer para se certificar de estar fazendo um bom negócio:

Seu site é apenas um hobby, sem pretensão de crescimento?

Nesse caso pode continuar no ilimitado sem problemas.

Seu site tem média de 4 mil diárias e vem crescendo, gerando uma graninha e tendo alguns picos de acesso?

Talvez seja a hora de partir para um plano mais robusto, à medida em que seu site for crescendo, para evitar supresas.

Seu site atinge perto de mil visitas diárias, e tem crescido bem devagar, sem que você ainda consiga ganhar algo com ele?

Pode continuar no ilimitado para evitar gastos desnecessários. Esse volume de visitas um plano ilimitado suporta sem problemas.

Conclusão

Existem casos em que um plano “ïlimitado” pode dar conta. Mas se você tem um site que já recebe um volume considerável de visitas e que está em crescimento, ou vive mandando posts para agregadores e redes sociais como Twitter e Facebook, é bom se precaver e assinar um plano mais de acordo com suas necessidades. Obviamente não condenamos planos ilimitados. Nós atualmente usamos um plano da Hostgator, mas temos ciência de até onde podemos ir com ele.

E você? Qual sua experiência com esse tipo de plano?


Seja um leitor Premium, receba os artigos direto no email:



Gostou? Faça mais pessoas felizes, compartilhe!
Almy
Almy Fróes é Analista de SEO, Empresário e Problogger. Compartilha no Mestre dos Sites o que aprendeu sobre Marketing de Afiliados, SEO,WordPress, blogs, e otimização de sites
Mais alguns posts interessantes:
hospedagem web
Registro de domínio: o que é melhor? .com ou .com.br ?
ladrao internet
Hospedagem de sites: conheça 5 truques que as empresas usam para te passar a perna!
hostgator brasil
Hospedagem de sites :conheça os serviços da hostgator!
1 Comment
  • 31 31America/Sao_Paulo outubro 31America/Sao_Paulo 2011 at 08:34
    Resposta

    […] Já prevendo que o seu site irá crescer, você contrata um plano ilimitado. Até que descobre que seu servidor mal aguenta 3 mil visitas diárias no seu site. O próximo passo é te empurrar pra um plano mais caro, ou simplesmente te empurrar pra fora dele. E não adianta reclamar! Isso está no contrato (aquele que você não leu por que estava com pressa =P ). Já falei mais a fundo sobre os problemas do falso plano ilimitado no post Hospedagem de sites:cuidado com os falsos planos ilimitados. […]

Deixe seu comentário

Your Comment*

Your Name*
Your Webpage